Fundamento para Excelência em Integração de Processos (2 dias)

A maneira como uma organização identifica, estrutura, vincula e atribui propriedade a seus requisitos e processos internos afeta diretamente sua capacidade de executar com sucesso e eficiência a missão pretendida ou atingir seus objetivos de negócios.

Se esta atividade for ignorada ou feita incorretamente, uma organização paga penalidades severas na forma de despesas de recursos de intervenção. Esses gastos são o tempo não planejado, o dinheiro e os recursos gastos para compensar problemas de qualidade e cronograma.

Quando problemas de qualidade e cronograma dominam a energia que uma organização gasta diariamente, a ação corretiva se torna o “modo de trabalhar” padrão. Mudar esse ambiente requer uma compreensão de como os processos atuais se relacionam com as melhores práticas e a mudança de cultura necessária para fazer a transição.

Este curso apresenta uma metodologia estruturada e eficaz para documentar, validar, liberar e alterar requisitos. Além de fornecer métodos para reduzir os custos dos recursos de intervenção. Ele aborda os aprimoramentos de processo que uma organização deve fazer para acomodar as mudanças e manter todos os requisitos claros, concisos e válidos.

Fundamentos para Gestão de Requerimentos (2 dias)

O gerenciamento de requerimentos é a base do segmento digital. As organizações lutam com a capacidade de definir e manter a arquitetura digital necessária para suportar Software, Hardware, Sistemas, Instalações e Infraestrutura durante todo o ciclo de vida. A incapacidade de gerenciar efetivamente a trilha digital (Digital Thread) cria um alto nível de ação corretiva em todas as fases do ciclo de vida.

O gerenciamento de configuração (CM) é a principal coluna do gerenciamento de requerimentos e o gerenciamento de requisitos é um importante bloco de construção na criação e gerenciamento da trilha digital. Compreender essa relação é imperativo ao definir o futuro modo de operação.

Este curso estabelece o roteiro que facilita a capacidade de uma organização de criar um segmento digital da empresa de classe mundial. Isto é conseguido através da aplicação de um conjunto de princípios e técnicas comprovadas. Quando aplicado esse aprimorado modelo de negócio corretamente, aprimora-se o desenvolvimento, a estruturação e o gerenciamento de requerimentos em toda a empresa.

Este curso enfoca os elementos fundamentais do gerenciamento de requerimentos, incluindo a estruturação e a propriedade de todos os requisitos de produto, solução e negócios. Ele irá detalhar os primeiros passos na criação da trilha digital… as fases de conceito e desenvolvimento de qualquer projeto.

Fundamentos para Gestão de Alterações  (2 dias)

As organizações lutam continuamente para definir um processo de gerenciamento de alterações rápido e eficiente. Muitas organizações mudaram ou substituíram o processo de alteração várias vezes sem entender a dinâmica da alteração ou os blocos de construção necessários para facilitar o gerenciamento dessas alterações.

Lutas com decisões de reidentificação de itens e o nível necessário de visibilidade de alterações afetam diretamente a capacidade de desenvolver e manter o gêmeo digital. O gerenciamento de mudanças inclui o entendimento do impacto em toda a organização e no ciclo de vida total do produto / solução.

Este curso introduz um processo de alterações de ciclo fechado e identifica vários blocos de construção que residem fora do escopo do processo de alteração. O conceito de Enterprise Configuration Management (ECM) depende desses blocos de construção. Ele também fornece uma árvore de decisão que define as regras adequadas para gerenciar a re-identificação e garantir a visibilidade total do gêmeo digital.

Este curso também aborda as mudanças culturais que devem ser entendidas e implementadas para facilitar as melhorias necessárias no processo de alterações. O objetivo final é sempre apresentar à organização requisitos claros, concisos e válidos. Isso só pode ser alcançado por um processo rápido e eficiente que acomode alterações.

Gestão de Configuração Corporativa (2 dias)

A incapacidade de uma organização gerenciar com sucesso o segmento digital está diretamente ligada à sua incapacidade de gerenciar efetivamente as alterações. A maioria das organizações tem especialistas no assunto identificados para cada disciplina chave, mas raramente as organizações têm uma pessoa focada no gerenciamento de alterações.

Este curso abordará a importância da Gestão de Configuração Corporativa e apresentará as funções, responsabilidades e fluxos de trabalho necessários para que uma organização de classe mundial gerencie com eficiência as alterações. Garantindo assim que a trilha digital permaneça intacto durante todo o ciclo de vida do produto / solução e que o gêmeo digital seja preciso.

Este curso introduz o poder e a eficiência dos processos de mudança de ciclo fechado e fast-track do CM2. Esses processos dependem dos blocos de construção e dos princípios de habilitação definidos nos Cursos 01 a 03.

Uma vez que a metodologia definida neste curso é implementada, a visão e a perspectiva de uma organização sobre o processo de gerenciamento de alteração mudará de um “mal necessário” para uma verdadeira vantagem competitiva.

Otimizando a Trilha Digital (2 dias)

Todas as organizações lutam com a capacidade de gerenciar informações com precisão para a empresa ou durante todo o ciclo de vida do produto / solução. Essa falha cria um alto nível de gasto de recursos de intervenção e uma incapacidade de rastrear configurações em campo. Isso gera custos significativos de garantia, recall e concessão que podem ter impactos devastadores nos negócios.

Para aproveitar o poder do Digital Thread (trilha digital) e para facilitar um verdadeiro Digital Twin (gêmeo digital), todas as facetas da organização e todas as fases do ciclo de vida dependem do processo de Gestão de Configuração Corporativa (Enterprise Configuration Management (ECM)). As atividades impulsionadas pelo Trilha Digital impactam no Gêmeo Digital com uma constante barragem de alterações, tornando a capacidade de gerenciar o Gêmeo Digital muito mais complexa.

Este curso apresenta adições críticas aos fluxos e funções do processo definidos anteriormente no processo de Gerenciamento de Configuração Corporativa. Essas adições são críticas para o gerenciamento da Trilha Digital e a visibilidade do Gêmeo Digital na fase de ciclo de vida de operação e manutenção.

Este curso também identifica as diferenças e os desafios associados ao gerenciamento do Gêmeo Digital à medida que ele avança em cada uma das fases do ciclo de vida. O papel do ECM na gestão da cadeia de suprimentos também se mostra crítico para o gerenciamento da trilha digital.

Alcançando a implementação corporativa (2 dias)

As organizações continuam desapontadas com os resultados dos esforços para implementar melhorias nos sistemas legados de PDM, PLM e / ou ERP. Mesmo quando as oportunidades para melhorias específicas são identificadas, elas lutam com a capacidade de alcançar uma implementação bem-sucedida. Esses projetos de melhoria muitas vezes são reduzidos em escopo e ainda sofrem sobrecargas de custo e cronogramas perdidos.

As experiências negativas descritas acima também acontecem quando uma organização lança um projeto de reengenharia de processos. Essas falhas comuns não são o problema … elas são simplesmente sintomas de um problema maior subjacente, uma incapacidade de gerenciar e acomodar adequadamente as alterações.

Este curso fornece o caminho para alcançar o Gerenciamento de Configuração Corporativa ou Enterprise Configuration Management (ECM), o processo de capacitação necessário para melhorar as ferramentas de uma organização e outros processos de negócios principais. Inclui uma simulação passo a passo para estabelecer a base apropriada para implementar com sucesso qualquer ferramenta identificada ou oportunidade de melhoria de processo.

Este curso também mostra como avaliar os pontos fortes e fracos das práticas de negócios atuais, onde concentrar a atenção, como desenvolver um plano de transição e como gerenciar e garantir que o projeto atenda aos objetivos declarados e produza os resultados pretendidos.

Executando a Excelência em Integração de Processos (2 dias)

O número de organizações que alcançaram a excelência do processo integrado é menor do que deveria ser. Isso ocorre porque a maioria das organizações continua a usar o gerenciamento de configuração (CM) em uma função limitada, aplicando-o apenas as informações de design de produto. Essas organizações processam um alto volume de desvios e renúncias; usam “linhas vermelhas” e assumem que “apagar incêndio” é uma prática comercial normal.

Para alcançar a Excelência do Processo Integrado, uma organização deve quebrar os muitos paradigmas geralmente associados ao papel limitado do gerenciamento de configuração. A transição gradual dessa abordagem limitada para o CM2 é uma importante mudança cultural que deve ser cuidadosamente planejada e gerenciada.

A base dessa nova cultura é a capacidade de mudar mais rapidamente e documentar melhor. A aplicação dessa capacidade é estendida para além das informações de projeto para incluir todos os requerimentos para a empresa e os entregáveis corporativos em todas as fases do ciclo de vida. Manter todos esses requerimentos claros, concisos e válidos em todos os momentos é a meta … um objetivo muito viável.

Este curso apresenta uma abordagem de duas fases a ser usada para criar a base para melhorar a eficiência de cada processo principal de negócios. Ele identificará os principais elementos que devem estar em vigor, reafirmando que a abordagem apropriada é definir o processo primeiro e, em seguida, selecionar a ferramenta de habilitação.

Habilitando Transformação Digital (2 dias)

As ferramentas de gerenciamento do ciclo de vida do produto (PLM) são excelentes em duas áreas principais: gerenciamento de requerimentos de produtos documentados e fluxos de trabalho de processos de alterações – áreas que as ferramentas de ERP historicamente não abordaram. As ferramentas de PLM devem ser capazes de fornecer a funcionalidade necessária para suportar as linhas de base planejadas / liberadas e o processo de alteração de ciclo fechado.

Como manter a Trilha Digital  desde a linha base (baseline) até a lista de planejamento, então da lista de planejamento até a ordem de fabricação e, finalmente, da ordem para o registro real executado, é um grande desafio. Saber quais requerimentos, em que nível de revisão, usar em qualquer ponto no tempo é outro.

Este curso descreverá como as listas de planejamento e as ordens são criadas e mantidas nas ferramentas PLM, ERP, ALM e CLM. Ele descreverá como usar autorizações de trabalho para fechar o loop nas ordens e garantir que os documentos corretos sejam utilizados. Descreverá a abordagem do CM2 para gerenciar e alavancar metadados e como otimizar a reutilização.

Este curso estabelecerá um processo detalhado para definir os elementos principais que devem estar presentes em uma implementação bem-sucedida da ferramenta. Ele descreve o Guia padrão de pré-avaliação da ferramenta de ativação CM2-600 para avaliar e certificar a capacidade de permitir que as ferramentas suportem o modelo IPE / CM2.

Workshops de aplicação prática para alcançar o IPE (3 dias)

Este curso prático enfoca a mudança dos paradigmas que são mais importantes e também os mais desafiadores para aqueles que implementam o CM2. Os participantes do curso desempenharão uma variedade de funções e, até o final do terceiro dia, terão realizado todas as facetas do processo CM2.

Como gerenciamento superior, eles revisarão uma linha de base corporativa e validarão suas convenções de conteúdo, formato, nomenclatura e numeração.

Como principais proprietários do processo de negócios, eles criarão padrões e procedimentos operacionais corporativos e preencherão a linha de base da empresa.

Como membros da equipe de desenvolvimento multifuncional, eles desenvolverão um produto, criarão sua base e hierarquia de design e preencherão sua linha de base.

Como membros do CRB, eles farão alterações na linha de base do empreendimento e nas linhas de base do produto. Em apoio aos especialistas da cadeia de suprimentos, eles garantirão que as efetividades das alterações permaneçam sincronizadas com os cronogramas de construção.

Como especialistas em processos, eles transformarão fluxos de trabalho complexos em fases de ciclo fechado, sendo cada um gerenciado por um especialista em processos.

Como parte de equipes de criadores / usuários de 3 membros, eles gerenciarão e executarão fluxos de trabalho administrativos individuais e fluxos de trabalho de produtos.

Após discutirmos sobre a pauta de reunião com cliente, fizemos alguns rascunhos para explicar a capacitação do método para gestão de configuração corporativa, mais conhecido como método CM2, e gravamos esse vídeo abaixo. Confira como é tratado a capacitação do método CM2 para Transformação Digital que é desenvolvido pelo Institute for Process Excellence – formerly ICM nesse vídeo apresentado por Dan Siqueira.